A ASPL foi convocada, ao final da tarde do dia 4 de dezembro, para uma reunião negocial sobre a recomposição da carreira docente, a realizar-se no dia seguinte, dia 5 de dezembro, nas instalações da DGE, sitas na Av. 24 julho, em Lisboa, com início às 18h00.
 
COMUNICADO da ASPL sobre a reunião com ME - 5 dezembro 2018
 
Fórum TSF - intervenção da Vice-Presidente da ASPL 

"Como presidente de uma das organizações sindicais de professores que esteve presente em todas as reuniões que existiram, neste último ano, venho informar Vossa Excelência que nenhuma delas versou a negociação do “prazo e do modo de recuperação do tempo de serviço”, como o governo afirma, e a que está obrigado pela Lei fundamental do nosso País: a Lei do Orçamento de Estado de 2018."

Leia a Carta Aberta - da Presidente da ASPL - dirigida ao Senhor Primeiro-Ministro

 
Defendendo o reposicionamento justo e equitativo, sem margem para ultrapassagens, a ASPL tem estado a dar todo o apoio necessário aos colegas que agora são objeto de reposicionamento na carreira, designadamente através do apoio do seu Gabinete Jurídico, assim como dará aos sócios que se sintam ultrapassados. 
 
Leia mais

Caros colegas educadores e professores, associados da ASPL,
 
no início de um novo ano letivo, em nome da Direção Nacional da ASPL, envio os votos de um bom ano escolar 2017/18, para todos vós, vossos familiares e alunos.
Infelizmente, as circunstâncias em que decorreram as férias, para muitos dos nossos colegas, foram atribuladas, bem como o início deste novo ano escolar, sobretudo devido aos inúmeros e gravíssimos erros nos concursos, causados pela tutela.
Leia Mensagem na íntegra.

A ASPL solicitou, ao Sr. Ministro da Educação, uma reunião urgente para resolução da situação de colocação injusta de vários associados, a 25 de agosto passado, sobretudo ao nível dos concursos de mobilidade interna.

 
Consulte Ofício da ASPL enviado ao Sr. Ministro da Educação.

Encontra-se disponível até às 18 horas de dia 5 de setembro de 2017 (Portugal continental), a aplicação que permite aos docentes opositores ao concurso de mobilidade interna, efetuarem permuta.

Consulte a nota informativa

Ao contrário do verificado nos últimos anos, foram maioritariamente contemplados horários completos na colocação de 2017.
Esta situação não era expectável, pois não foi abordada nas reuniões sobre os concursos e nada a fazia prever na legislação trabalhada e publicada.

Face a tal opção da tutela, são inúmeros os colegas colocados em estabelecimentos escolares muito distantes do habitual!
A sua indignação é legitima, porquanto sabem da existência de horários mais reduzidos (superiores a seis horas) em horários que agora não surgem, que serão posteriormente atribuídos a colegas com menor graduação profissional.
A ASPL já requereu ao Sr. Ministro que esta colocação seja eliminada e se realize uma nova, que abranja horários completos e incompletos para todos os docentes. Saliente-se que temporalmente esta opção é viável, pois o ano letivo terá início a 13 de setembro, dependendo exclusivamente da vontade política para tal.
A todos os colegas que se considerem lesados pela colocação ocorrida, a ASPL informa que poderão proceder ao recurso hierárquico já disponível no site da DGAE, manifestando o seu desagrado pela situação, solicitando a eliminação desta colocação e a realização de nova.

Informa-se que a lista definitiva ordenada de candidatos admitidos e a lista definitiva de candidatos excluídos do concurso anual com vista ao suprimento das necessidades de contratação de pessoal docente, da Casa Pia de Lisboa, I.P., para o ano escolar de 2017/2018, se encontram publicitadas no site da CPL, a partir de hoje, dia 24 de agosto de 2017.
Consulte as listas aqui.