A Lei do OE2019 obriga à realização de um processo negocial para estabelecer o modo e o prazo de recuperar os 9 anos, 4 meses e 2 dias (3411 dias) de serviço cumprido pelos docentes, que ainda não foram contabilizados. 

 
Até ao momento, a tutela não enviou a respetiva convocatória, não cumprindo, uma vez mais, com o legalmente estabelecido. Sendo uma matéria cuja resolução urge, tendo a nível continental já sido operacionalizada na maioria da demais função pública e nas regiões autónomas já assumida a contagem integral do tempo de serviço em causa, é incompreensível e inaceitável a morosidade do seu agendamento. 

Leia mais

PELA NEGOCIAÇÃO DO MODO E DO PRAZO DA CONTAGEM INTEGRAL DO TEMPO DE SERVIÇO
Assinar online aqui 
 
Os professores e educadores rejeitam ser discriminados e exigem a recuperação de todo o tempo de serviço cumprido. Não aceitam tratamento diferente do que é dado à generalidade dos trabalhadores da Administração Pública e aos seus colegas das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores.
 
Como alternativa à assinatura online, está disponível um PDF no Website da ASPL para descarregar, imprimir, assinar, e enviar de volta.

Obrigada Senhor Presidente da República!
Vale a pena lutar com esperança e determinação quando estamos do lado da razão e da justiça!
Obrigada também a todos os colegas professores e educadores que não desistiram e que continuam à espera da concretização da contagem total do tempo que trabalharam!
Esperamos que, desta vez, em 2019, o governo negoceie o que é para negociar: o prazo e o modo de recuperar o tempo de serviço - 9 anos, 4 meses e 2 dias.

Leia mais

Foram publicadas, na página da DGAE, as listas de colocação, não colocação e retirados e lista de colocação administrativa dos docentes de carreira da 20ª Reserva de Recrutamento de Mobilidade Interna 2015/2016.
 

A aplicação para aceitação encontra-se disponível das 10:00 horas de sexta-feira, do dia 05 de fevereiro, até às 23:59 horas de segunda-feira, dia 08 de fevereiro de 2016 (hora de Portugal Continental).

 

Consulte, aqui, as listas e aceda, aqui, à Nota Informativa.     

 
A aplicação para interpor recurso hierárquico encontra-se disponível das 10:00 horas de sexta-feira, do dia 05 de fevereiro, até às 23:59 horas de quinta-feira, dia 11 de fevereiro de 2016 (hora de Portugal Continental).

 
Aceda, aqui, à aplicação.
 

Encontra-se aberto, pelo período de 10 dias úteis (de 28 de janeiro a 11 de fevereiro de 2016), o Concurso Interno e Externo de provimento de educadores de infância e de professores dos ensinos básico e secundário, da educação especial e do ensino vocacional da música, para o ano escolar de 2016/2017, da Região Autónoma dos Açores.
Aceda, aqui, ao formulário de candidatura.

Foram publicadas, na página da DGAE, as listas de colocação, não colocação e retirados e lista de colocação administrativa dos docentes de carreira da 19ª Reserva de Recrutamento de Mobilidade Interna 2015/2016.
Aplicação para aceitação disponível das 10:00 horas de sexta-feira, do dia 29 de janeiro, até às 23:59 horas de segunda-feira, dia 01 de fevereiro de 2016 (hora de Portugal Continental)
Consulte, aqui, as listas e aceda, aqui, à Nota Informativa.     

[ler mais...]
 

Escola Portuguesa de Moçambique
Aviso de Abertura – Contratação
 
Torna-se pública a abertura de um procedimento concursal destinado à seleção de um docente com qualificação para a educação pré-escolar, num horário semanal de 25 horas, na Escola Portuguesa de Moçambique-Centro de Ensino e Língua Portuguesa (EPM-CELP).
O procedimento de seleção é aberto a partir do momento da sua divulgação no portal da EPMCELP, e decorre pelo prazo de 3 dias úteis a contar da data da sua disponibilização e até às 23:59H do último dia da candidatura;
 
Aceda, aqui, ao aviso de abertura.

Instituto Camões
Aviso de Abertura – Zimbabué
 
Encontra-se aberto o procedimento concursal simplificado para o recrutamento local de um professor do ensino de português no estrangeiro. A candidatura deve ser apresentada no prazo máximo de 5 (cinco) dias úteis, a contar do primeiro dia útil seguinte ao da data de publicitação do aviso de abertura. As candidaturas devem ser formalizadas mediante requerimento, dirigido ao coordenador do ensino português no estrangeiro e enviadas por correio eletrónico para: cepe.africasul@camoes.mne.pt .
 
Consulte, aqui, o aviso de abertura.